10 DICAS PARA SAIR COM UMA LOBA

0
1333

A Idade da Loba não é um mito: ela é uma realidade. Mulheres entre 40 e 50 anos de idade não são como meninas de 20 ou adolescentes tardias de 30. Elas são diretas em suas complexidades, conscientes de seus escudos, conseguem ser decididas até quando indecisas, e aprenderam que o tempo passa e não merece ser perdido.

Estabelecer um vínculo com uma mulher nesta etapa da vida é como caminhar em um campo minado: pode ser explosivo, pedaços seus poderão ser arrancados sem piedade, mas também existe a possibilidade de chegar vivo ao outro lado e experimentar um relacionamento como você jamais julgou ser possível antes.

Para que isso aconteça, será necessário desenvolver alguns talentos e adquirir algumas atitudes bem específicas. Vamos dar uma olhada nas 10 principais:

  1. Elogie-a como a mulher de 40 anos que ela é. Não a elogie dizendo que ela parece ter 20. Mulheres de 40 já estão por aqui há algum tempo, amigo. Cantadas imbecis serão tratadas do mesmo modo. Tente abordar uma Loba com gracinhas e o silêncio que surgirá entre vocês será ensurdecedor. Ao invés de se comportar como um guri de fraldas, seja um Homem e faça um elogio decente: comente sobre algo específico e bem particular dela. Se conseguir ir além do corpo e for capaz de se conectar a algum ponto de vista ou ideia, ainda melhor.
  1. Se ela tem filhos, não diga como discipliná-los. Levará algum tempo para que você receba a autorização para criar os filhos dela – SE isso ocorrer algum dia. Tente ganhar o respeito dos filhos tratando a mãe deles com respeito. Mas, se eles forem simplesmente impossíveis, reveja se esse vínculo vale à pena: parte do encapetamento das crias pode ser um reflexo do desequilíbrio da mãe. Idade não equivale necessariamente à sabedoria.
  1. Mantenha seus olhos nela. Não fique esticando os olhos para outras mulheres, especialmente mulheres mais jovens. Seja pelo menos decente e olhe-as quando sua Loba não estiver por perto, mas NUNCA na presença dela. E se você realmente deseja mulheres mais jovens e não consegue se conter, tudo bem, nenhuma objeção quanto a isso. Levante e tenha a dignidade de ir atrás do que você quer – e deixe essa Loba livre para encontrar um Lobo de verdade.
  1. Diferenças de idade são apenas números. Se você for mais velho que ela, provavelmente não terão grandes contratempos com relação à idade. Mas se for mais novo, não fique dizendo coisas do tipo “Eu nem era nascido quando você fez isso” ou “Como era naquele tempo?”. Ela é uma Mulher Madura, não um dinossauro. E você não é nenhuma larvinha em fase de pupa. Coloque o foco no que vocês têm em comum: os gostos por cinema, livros, viagens, aventuras, fetiches, sexo… Muito sexo.
  1. Ela é uma Loba, não sua babá. Se ela teve filhos, ela já os criou. Você não é um deles e, certamente, ela não tem a menor intenção de pegar alguém do seu tamanho para criar a essa altura. Seja engraçado e estimulante, mas deixe a imaturidade em casa.
  1. Seja um cavalheiro. Que mulher não gosta de ser tratada como uma dama? Não estou falando dessas Afrodites frustradas que dançam funk em cima da mesa, carentes de atenção e cuidados. Eu falo de Mulheres. Uma mulher quer ser tratada como uma dama. Ela quer alguém que abra a porta do carro, que a ajude a colocar um casaco, que ande do lado da rua colocando-a do lado da calçada, que a proteja segurando o guarda-chuva, que mande flores, mensagens ou pequenos agrados de surpresa – mesmo quando a ocasião não tem nada de especial.
  1. Estude. Procure saber sobre a geração dela, as músicas e os filmes que ela curte, os valores que ela defende. Alguns hiatos entre gerações podem ser compensados por meio de interesse e empenho genuínos. E pode acreditar: ainda que você cometa alguns furos, ela se sentirá lisonjeada com seu esforço em compreender o universo de onde ela veio. Leia e informe-se!
  1. Quem gosta de passado é museu. Não fique examinando os relacionamentos passados dela enchendo-a de perguntas sobre todos os seus antecessores – isso faz você parecer idiota, chato e inseguro. Se o Ex fosse bom mesmo, ele não tinha sido promovido a Ex. O que ela quiser que você saiba, ela irá lhe contar, pode ficar tranquilo. E o resto… bom, o resto não é da sua conta.
  1. Seja gentil e intuitivo. Na cama, tenha uma pegada suave e progressiva. Não a atropele com as duzentas páginas do Kama Sutra que você decorou só para impressioná-la. Permita que ela tome a frente algumas vezes. Ela tem experiência, conhece o próprio corpo (bem mais que uma menina de 20 anos!), e existe a possibilidade de que, ao mostrar a você as coisas que ela gosta e o jeito que ela gosta, você termine até aprendendo alguns truques novos. Mantenha a mente aberta.
  1. Aprenda a receber um NÃO como resposta. Cara, quando uma Loba diz NÂO, provavelmente é NÃO mesmo. Game Over, soldado. Não se preste ao papel ridículo de rastejar, implorar ou ameaçá-la caso ela lhe comunique que “já deu”. Se ela tomou a decisão de partir, então é isso. Aceite de modo maduro e amigável e siga com sua vida. Pense o seguinte: a Loba se vai, mas, se você foi inteligente, o aprendizado fica.

 

Deixe uma resposta