14 TRUQUES PSICÓLOGICOS PARA USAR E SE DIVERTIR

0
442

A Internet é um oceano de dicas úteis e outras nem tanto. Existem macetes para encontros, empregos, ganhar um abdome trincado, melhorar o sono, parar de fumar, e até para aumentar o tamanho dos seus órgãos genitais. É uma feira de bizarrices.

Entretanto, ao mesmo tempo, existem bons insights psicológicos e sociológicos que não apenas fazem sentido, como são verdadeiros de verdade. A seguir, você verá uma lista com 14 sacadas psicológicas. Use-as a seu favor ou simplesmente para se divertir ao longo do dia:

  1. Ao ser apresentado a alguém de quem você espera algum favor ou colaboração, tente memorizar os detalhes dos olhos daquela pessoa. “Por quê? Para escrever um poema para ela mais tarde?”. Não, amigo. O segredo é obter um bom volume de contato visual. E essa é uma técnica bem simples de passar uma imagem de afeto e confiança.
  1. A memória mais vívida que temos é da primeira e da última coisa que aconteceu. O meio é sempre turvo. Por isso, se você estiver para fazer uma apresentação ou uma entrevista para um emprego, tente ser o primeiro ou último da fila. E se quiser passar despercebido, fique no meio do bolo.
  1. Os pés de uma pessoa são uma boa maneira de saber o que ela está pensando. Por exemplo: ao se aproximar de duas pessoas que estão conversando, se elas virarem o tronco em sua direção, mas não os pés, isso indica que elas querem ser deixadas a sós. Do mesmo modo, se está conversando com alguém e os pés dessa pessoa estão virados para longe de você, essa pessoa está pensando em dar o fora dali.
  1. Quando um grupo irrompe em uma gargalhada, cada uma das pessoas instintivamente volta seu olhar para o indivíduo de quem se sente mais próxima naquele grupo. Esta é uma boa ferramenta para saber quem está dormindo com quem no seu trabalho.
  1. Nunca se esqueça do poder do silêncio: se alguém lhe der uma resposta pouco satisfatória a uma pergunta, fique quieto e mantenha o contato visual. Em geral, essa pressão é suficiente para que a outra pessoa continue falando e revele o que você quer saber – ou até mais que isso.
  1. Em uma reunião, se você sabe que alguém está puto da vida e tem pontos a resolver com você, sente-se perto dessa pessoa. A proximidade física causa desconforto e esvazia a agressividade – e você tem uma chance maior de escapar da saia justa.
  1. Peça pequenos favores simples às pessoas. Isso treina os cérebros delas a acreditar que gostam de você.
  1. Por mais difícil que seja, tente guardar o nome das pessoas e chame-as pelo nome várias vezes na próxima vez que vocês se encontrarem. Qualquer pessoa acha isso incrivelmente charmoso – e lhe dá poder.
  1. Brinque de espelhar a linguagem corporal da pessoa com quem você está conversando. Esta é uma forma certeira de criar confiança. Mas seja sutil.
  1. Quando estiver atravessando uma multidão, fixe seu olhar nos espaços vazios entre as pessoas e não nas pessoas em si. Geralmente, isso é suficiente para abrir o caminho.
  1. No seu primeiro encontro com aquela gata, procure escolher programas que envolvam adrenalina (uma montanha russa, um filme de terror, uma trilha, etc). Isso mantém o cérebro ativo e excitado, e a faz acreditar que está curtindo a sua companhia – o que, se você tiver sorte, ela estará.
  1. Um aperto de mão quente torna você muito mais atraente que um aperto de mão frio. Aqueça discretamente suas mãos antes de fazer o cumprimento.
  1. A melhor maneira de aprender é ensinando. Se você está desenvolvendo uma nova habilidade ou adquirindo um conhecimento novo, assim que puder vá importunar alguém demonstrando ou falando a respeito.
  1. Finalmente, nada é tão importante para uma pessoa quanto a imagem que ela tem de si mesma. Descubra qual é essa imagem e desafie-a ou reforce-a para seu proveito.

Deixe uma resposta