POR QUE O BRASILEIRO NÃO LÊ?

1
836

Na Alemanha, 81% das pessoas leram pelo menos 1 livro inteiro nos últimos 12 meses. No Reino Unido, 80%. No Japão, 79%. Na França, 73%. No Brasil, 59%.

Segundo o Instituto Pró-Livro, os 59% dos brasileiros que leem com alguma regularidade terminam 2,43 livros inteiros por ano. Para efeito de comparação, cada cidadão na Inglaterra lê espontaneamente 10 livros não-acadêmicos por ano; na Finlândia são 16 livros; e na França, 20 livros.

De acordo com a empresa de consultoria britânica NOP World, em uma lista de 30 países classificados segundo seus hábitos de leitura, as cinco primeiras posições são ocupadas por Índia (10:42h por semana), Tailândia (9:24h), China (8h), Filipinas (7:36h) e Egito (7:30h). O Brasil ocupa a 27ª posição, com uma média de 5h dedicadas à leitura por semana.

Mais de 40% dos brasileiros não leem coisa alguma simplesmente porque não gostam de ler ou não têm paciência para a leitura. Não se trata de cansaço ou falta de tempo ou dinheiro; ou problemas de visão ou outras limitações físicas; ou de não possuírem um lugar apropriado para a leitura. É simplesmente falta de vontade mesmo.

Mesmo com toda a facilidade e baixo custo que a leitura possui atualmente, brasileiros de famílias com renda entre 1 e 2 salários mínimos leem quatro vezes menos que famílias com renda superior a 10 salários mínimos.

Pense nisso e considere que Mark Cuban, famoso empreendedor bilionário americano, lê no mínimo 3h por dia; Warren Buffet, um dos três homens mais ricos do planeta, lê no mínimo 5 horas por dia; Elon Musk, o visionário por trás da Tesla Motors, chegava a ler 10h por dia durante o ensino médio; e Bill Gates consome no mínimo 50 livros por ano.

Quando alguém de uma família de baixa renda cai dentro dos 40% que não leem porque não gostam ou não têm tempo, me pergunto por que essa pessoa aprecia tanto fazer parte da fatia mais miserável do país – pois não está sendo oprimida por forças patriarcais ou pelo fascismo das elites, mas escolhendo voluntariamente permanecer na miséria onde se encontra.

_____
Fontes:

http://prolivro.org.br/home/images/2016/Pesquisa_Retratos_da_Leitura_no_Brasil_-_2015.pdf

https://www.statista.com/chart/6125/which-countries-read-the-most/

Billionaires And Their Reading Habits

1 COMENTÁRIO

  1. Nós também não temos uma classe A e B letrada ,pesquisas dizem que as Classes A e B leem apenas um livro a mais por ano do que as outras classes .Pelo investimento que é feito na escola com mensalidades que ultrapassam dois salários mínimos ,era de se esperar que tivéssemos uma elite letrada ,que destoasse da média e não é isso que acontece

Deixe uma resposta