FALA NA AUDIÊNCIA PÚBLICA NA CÂMARA DE CAMPINAS 

1
1570

Perfil no Twitter @AlessandroLoio2 

____________

 

Em 31 de dezembro de 2021, o navio de cruzeiro Costa Diadema, teve sua viagem interrompida em Salvador, Bahia, após um surto de Covid19. Por exigências da Anvisa, todos os tripulantes e passageiros estavam devidamente vacinados.

Em 03 janeiro de 2022, na Itália, o navio de cruzeiro MSC Grandiosa – com todos os passageiros e tripulantes portando passaportes sanitários – sofreu um surto de Covid19.

Ainda em janeiro de 2022, a estação remota belga na Antártida – a Estação Polar Princesa Elisabeth – sofreu um surto de Covid19. Apesar de todos os 25 trabalhadores estarem todos totalmente vacinados, 16 apresentaram sintomas da doença.

Se as vacinas são imprescindíveis para evitar transmissão e doença sintomática, como explicar os casos do Costa Diadema, do MSC Grandiosa e da Estação Polar Princesa Elisabeth?

Mas as vacinas são imprescindíveis para evitar morte”.

Se isto é verdadeiro, como explicar a Nigéria?

A Nigéria possui 206 milhões de habitantes espremidos em uma área pouca coisa maior que o estado do Mato Grosso.

Apenas 2,6% da população nigeriana está totalmente vacinada, e a média de mortes por Covid19 nos últimos 7 dias = ZERO.

Ainda que a Nigéria tenha uma pirâmide demográfica demonstrando uma população bem mais jovem que a do Brasil, se o Covid19 é tão letal assim, e se a vacina é tão imprescindível assim para evitar mortes – inclusive entre jovens e crianças, como alguns legisladores brasileiros têm defendido – por que não observamos uma mortandade desenfreada na Nigéria?

Com testes ou sem testes, onde estão as covas coletivas na Nigéria , as pessoas caindo mortas pelas ruas devido à presença do vírus na ausência da vacinas milagrosas?

Se a vacinação é imprescindível para o controle da pandemia, qual será o percentual necessário de pessoas totalmente vacinadas para que a normalidade seja restaurada?

A Suíça possui 68% da população totalmente vacinada. A partir de fevereiro de 2022, máscaras não serão mais obrigatórias em escolas, comércio, shows ou no trabalho. Nenhum lugar na Suíça cobrará o certificado de vacinação.

O Brasil possui 71% da população totalmente vacinada – proporcionalmente mais que a Suíça –, mas a paranoia ditatorial pseudo-sanitária por aqui segue pleno vapor.

A Holanda possui 70% da população totalmente vacinada. A partir de 25/02/2022, as restrições estarão suspensas na Holanda e testes negativos têm o mesmo valor de certificados de vacinação.

Volto a lembrar: o Brasil possui 71% da população totalmente vacinada – proporcionalmente mais que a Holanda –, mas a paranoia ditatorial pseudo-sanitária por aqui segue pleno vapor.

Como se não fosse suficiente o fato de que as vacinas não são capazes de evitar a transmissão e a doença sintomática, e não provaram ser imprescindíveis para evitar mortes pela doença, temos ainda a questão da segurança.

Em maio de 2021, uma revisão realizada por pesquisadores do MIT levantava preocupação quanto ao potencial das vacinas de RNAm produzirem doenças sanguíneas, neurodegenerativas e autoimunes, além da relevância das sequências de aminoácidos tipo-Príon presentes na Proteína Spike – que resultaria na “transmissão” desta proteína de pessoas vacinadas para não-vacinadas (International Journal of Vaccine Theory, Practice, and Research, May 10, 2021; 2(1):38-79).

Finalmente, os cientistas alertaram para o fato de que, ainda que não existam estudos conclusivos avaliando a ocorrência de modificações do DNA, esta é uma hipótese plausível apoiada por conhecimentos prévios das vias de transformação e transporte de material genético, onde o RNAm poderia ser derradeiramente incorporado ao DNA do indivíduo “vacinado” e transmitido para as gerações posteriores – com desdobramentos desconhecidos.

Antes que perguntas tão IMPORTANTES fossem devidamente respondidas, injetamos essas substâncias em CENTENAS DE MILHÕES de pessoas em menos de 1 ano.

Se isso não fosse suficiente, tornamos a injeção dessas substâncias uma ação OBRIGATÓRIA, e começamos a amputar direitos civis pétreos como Liberdade de Expressão, Direito ao Trabalho, Proteção da Saúde, Acesso à Educação para forçar as pessoas a se submeterem a este experimento.

Em 11 de fevereiro de 2022, o CDC publicou um tuíte em sua conta oficial recomendando:

Se você testou positivo p/ Covid e possui riscos de agravamento, procure imediatamente um profissional de saúde. NÃO DEMORE: para ser eficaz, o tratamento deve ser iniciado nos primeiros dias“.

E, no Brasil, durante boa parte da Pandemia, tivemos um Ministro da Saúde fazendo propaganda da hashtag Fique Em Casa.

Não é possível que as duas recomendações – a do CDC e a do Ministério da Saúde do Brasil – estejam certas ao mesmo tempo.

Desde o início da pandemia, eu e outros colegas defendemos com unhas e dentes que as pessoas NÃO ficassem em casa e que procurassem atendimento médico aos primeiros sintomas.

Pedras voaram e fomos chamados de “negacionistas”.

Agora, dois anos depois, o CDC dos EUA faz a mesma recomendação.

Nesse intervalo, centenas de milhares de pessoas morreram no Brasil por causa da demora no acesso ao atendimento médico e no atendimento médico errado.

Desde o início da campanha de vacinação contra Covid19, eu e outros colegas defendemos que estas vacinas não deveriam estar sendo disponibilizadas como está sendo feito sob o aval CRIMINOSO da Anvisa e do Ministério da Saúde.

Novamente, pedras estão voando sobre nossas cabeças e somos novamente rotulados como “negacionistas” e “desinformadores”.

Quantas centenas de mortes desnecessárias mais terão que ocorrer para que a PRUDÊNCIA e a DECÊNCIA faça parte do CARÁTER dos homens e mulheres responsáveis pelas LEIS nesse país?

___________________

Alessandro Loiola, médico.

16 de fevereiro de 2022

1 COMENTÁRIO

  1. Olá grande guerreiro! A base de nossa população, o povo, pede vacina, o governo dá. O povo pede respeito a constituição, é negado. Tudo isso é resultado de uma EDUCAÇÃO falida! A população não consegue interpretar qualquer texto ou fala, portanto, torna-se massa de manobra de qualquer PODER! OBRIGADA a vcs que por preservar o Juramento de HIPÓCRATES e a nossa CONSTITUICAO!

Deixe uma resposta