A VACINA, OS ZUMBIS E O MATO

0
1289

O FDA norte-americano é conhecido por ser bem chato nos seus processos para aprovação de tratamentos – e isso inclui vacinas.

Então, para entender como as vacinas conseguem um carimbo de “segurança”, podemos ver como o FDA – a Vigilância Sanitária dos EUA – procede.

É o seguinte:

De acordo com o próprio FDA, o licenciamento de uma vacina é um processo demorado que pode levar DEZ ANOS ou mais.

Depois dos testes em laboratório e em animais, O FDA exige que as vacinas passem por 3 fases de estudos clínicos em humanos antes de serem liberadas para uso em massa.

Fase 1 – Consiste em pequenos estudos clínicos envolvendo 20 a 100 voluntários e dura poucos meses. A intenção é verificar o risco de morte e as reações colaterais mais comuns.

Fase 2 – Consiste em estudos clínicos envolvendo várias centenas de participantes e duram vários meses, podendo chegar a 2 anos. Mais dados sobre segurança, eficácia e efeitos colaterais são coletados, e os cientistas definem qual a composição ideal e quantas doses são necessárias para que a vacina confira a proteção desejada.

Fase 3 – Caso a vacina passe nos estudos das fases 1 e 2, ela será aplicada a vários milhares de voluntários. Esta fase pode durar de 2 a 10 anos. Ao longo desse tempo, os cientistas vão comparando como se saíram pessoas que tomaram a vacina e as pessoas que NÃO tomaram.

Caso os estudos clínicos demonstrem que a vacina é segura e eficaz, o fabricante solicita duas Licenças Biológicas ao FDA. Durante esta etapa de avaliação, o FDA revisa TODOS os dados produzidos pelos estudos clínicos, bem como a bula do fabricante. Além disso, o FDA inspeciona a fábrica e os protocolos de produção, certificando-se que as vacinas são feitas de maneira padronizada e segura.

APENAS APÓS TODOS ESTES PASSOS, o FDA – caso se sinta satisfeito com as evidências – libera a vacina para uso em massa na população.

Agora vamos ao covid:

Os primeiros caso de SARS por covid19 foram observados em dezembro de 2019.

O vírus foi isolado em janeiro de 2020, e teve seu genoma sequenciado em abril de 2020.

Você quer me convencer que em APENAS 8 meses (de janeiro a agosto de 2020), um processo tão cansativo, cuidadoso e detalhista como o desenvolvimento e licenciamento de uma vacina SEGURA E EFICAZ, incluindo todas as fases de estudos clínicos e avaliações de processo de produção, pôde ser feito para o Covid com absoluta lisura e cientificidade?

Não interessa se ela é feita na China, na Rússia, em Oxford, pelos Oompa Loompas ou pelos gnomos da casinha do Papai Noel no Polo Norte: 8 meses NÃO SÃO suficientes para cumprir todas as etapas e os algoritmos de segurança e eficácia em estudos clínicos. Ainda mais com metade do mundo em algum tipo de lockdown.

Esse pessoal deveria tomar o mínimo de VERGONHA na cara e assumir a INDECÊNCIA que isso é.

Mas eu sei. Procurar pessoas decentes nos dias de hoje é dureza. Encontrá-las então, quase impossível.

Que venha o compulsório da LEI 13.979. Lembre de pegar sua fantasia de porquinho da índia.

Eu? Eu ando pensando em fugir de volta pro mato e voltar só depois do meteoro.

Deixe uma resposta